Auditório Francisco Contini foi palco de Mostra artística beneficente

Na última sexta-feira (2), a comunidade guarapuavana pôde apreciar um espetáculo artístico composto por música e dança. A programação fez parte da 33ª Mostra de Dança, realizada uma vez por ano, com o propósito de ajudar uma instituição na cidade. Mesmo com o frio, o público compareceu em peso para a ocasião, deixando o auditório do campus Santa Cruz lotado.

Desta vez o tema da mostra foi “Emoções que contam histórias”. Uma das idealizadoras do evento, Rossana Campello Manfredini, avaliou que o episódio foi importante para o aperfeiçoamento de alunos e professores. “A mostra de dança é onde os professores e seus alunos podem vivenciar um tema, eles fazem várias pesquisas. É importante, principalmente, para aqueles que estão chegando, vivenciar o palco, maquiagem, cabelo, toda uma construção para que no espetáculo do fim do ano eles estejam com mais experiência”, comentou.

A aluna Rafaela Aparecida Remes de Lima, que se apresentou na sexta-feira, acredita que a mostra serve como um teste na vida como bailarina. “A mostra é um lugar onde a gente pode perceber como estamos nos saindo. Está cheio e está muito lindo. Dançar para uma plateia cheia é a melhor coisa para um bailarino”, comemorou a jovem.

Além do aprendizado, outro aspecto fundamental era a ação filantrópica. “Cada ano a gente escolhe uma entidade e nesse ano foi a Accopec (Associação Centro-Oeste do Paraná de Estudos e Combate ao Câncer), é uma entidade que apoia os familiares e que sempre está precisando, principalmente os portadores de câncer e, como ser humano, a gente tem que sempre estar ajudando a nossa comunidade”, finalizou Rossana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eventos

Não há eventos futuros