Ocotea pulchella (Nees) Mez Canelinha

Foto 1 – Detalhe das folhas frente e verso com flores e botões florais.Foto 2 – Detalhe das flores.Foto 3 – Detalhe dos botões florais.Foto 4 – Vista dos galhos.Foto 5 – Vista dos galhos com frutos verdes.Foto 6 – Tronco de coloração acinzentada.Sabiá-de-barranco-2

Foto 7– sabiá-de-barranco (Turdus leucomelas Vieillot 1818.). Dispersor de sementes.

Família: Lauraceae.

Nome científico: Ocotea pulchella (Nees)  Mez

Nomes populares: canelinha.

DESCRIÇÃO DA ESPÉCIE:

Árvore perenifólia , espécie secundária inicial (VILELA et al., 1993), secundária tardia (DURIGAN; NOGUEIRA,1990),ou clímax tolerante à sombra (CHAGAS et al., 2001). Com grande distribuição de frutos. Sua altura atinge até 30 m e seu diâmetro 75 cm.

Folhas: simples, alternas, inteiras, coriáceas com pecíolo curto. lanceoladas a elípticas.

Flores: unissexuais em árvores diferentes.

Fruto: baga ovoide ou  elipsoide.

Sistema sexual: espécie dioica (BAITELLO,2003).

Vetor de polinização: abelhas sem ferrão e diversos insetos.

Dispersão de frutos e sementes: zoocórica (MANTOVANI; MARTINS,1993; WEISER;GODOY,2001), pássaros frugívoros, e pequenos mamíferos, mono-carvoeiro (MORAES,1992)

Ocorrência: Minas Gerais ao Rio Grande do Sul.

Apícola: espécie muito visitada por abelhas e outros insetos.

Paisagístico: importante para arborização de áreas urbanas.

Utilização: tabuados, construção civil, moirões.

Bibliografia consultada

CARVALHO, P.E.R. Espécies arbóreas brasileiras. Coleção Espécies Arbóreas Brasileiras,vol.2. DF: Embrapa informações Tecnológica; Colombo, PR: Embrapa Florestas, 2006.627 p.

 

2 ideias sobre “Ocotea pulchella (Nees) Mez Canelinha

  1. Gostaria de algumas informações da Canelinha. Vocês podem informar?
    Qual o porte (grande?)? Qual a Distância de Plantio e o Tamanho de Cova? E qual cor e flor é colocada na ficha científica?
    Agradeço desde já

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *